Ad Code


 


 

Uesc ganha posições em ranking mundial

 


As universidades federal da Bahia e estadual de Santa Cruz (Uesc), no sul do estado, aparecem bem posicionadas entre as instituições de ensino e pesquisa brasileiras classificadas no Ranking Universitário Mundial.

Trata-se do ranking de maior alcance no meio acadêmico, incluindo 1.662 universidades distribuídas em 99 países e territórios, servindo de parâmetro para o reconhecimento de estabelecimentos mais destacados.

A Uesc saiu do 40º lugar no Brasil, na edição anterior, para ocupar a posição 32, com o avanço de oito casas, mesmo com a participação de mais sete universidades, totalizando 59 concorrentes de todo o país.

Já em uma hipotética Copa do Nordeste de universidades, a instituição situada entre Ilhéus e Itabuna está no TOP 7, atrás da Universidade de Fortaleza (Unifor), e federais de Sergipe (UFS), Bahia (Ufba), Rio Grande do Norte (UFRN), Ceará (UFC) e Pernambuco (Ufpe).

- O bom desempenho da Uesc é fruto do trabalho de toda comunidade acadêmica, ressaltando que a avaliação que mais interessa a Uesc, é o reconhecimento pela sociedade baiana, afirmou o reitor da Uesc, professor doutor Alessandro Fernandes de Santana.


A classificação se baseia em pontuação relativa a 23 indicadores distribuídos em quatro áreas distintas embora dependentes entre si, pois uma tem impacto na outra: ensino, pesquisa, extensão e perspectiva internacional. 


Em âmbito global, a Uesc avançou 38 posições, aparecendo à frente de universidades do leste europeu, da África, da América Latina e da Ásia, ressaltando, como aspecto de valorização do resultado, o fato de o campeonato ter sido acrescido de 135 instituições de ensino.


“O que esse sujeito [o presidente Jair Bolsonaro] vai inventar depois do 7 de setembro para tentar esconder sua incompetência, sua preguiça, sua covardia e os outros problemas que estão na sua cabeça?”

Flávio Dino, governador do Maranhão, em publicação em seu perfil na rede twitter sobre o presidente 


Pós em Filosofia na Ucsal

O lançamento do curso de especialização em filosofia contemporânea da Universidade Católica do Salvador (UCSal) vai reunir este mês professores e interessados na articulação do pensamento com ciência, cultura e arte, entre outros temas. O encontro, programado para o dia 15 servirá para despertar o interesse de graduados, não apenas em filosofia, devido à oportunidade de abrir horizontes, por meio do conhecimento de grandes autores a partir do século XIX. A mesa-redonda, com o tema “Os principais desafios e problemas da filosofia na atualidade”, terá acesso por link anunciado com antecedência. Confirmaram participação, além do professor doutor Paulo Vasconcelos, os docentes José Luís Sepúlveda e Valério Hillesheim, responsável pela coordenação do pós.


POUCAS & BOAS


Um lobo-guará adulto será devolvido hoje em área de Cerrado no município de Luís Eduardo Magalhães, em ação coordenada pelo Centro Estadual de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), administrado pelo Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema). Na lista de espécies ameaçadas de extinção, ele estava machucado quando foi localizado em julho em propriedade rural do município. Passou por cirurgia e já está pronto para voltar à natureza. Hoje também começa a readaptação de três filhotes da mesma espécie que foram localizados sem a mãe em outra propriedade rural. A ação tem a parceria do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e do criadouro conservacionista Parque Vida Cerrado.

Em Jacobina começa hoje a Feira de Artesanato na praça Rio Branco. Aberto entre 10h e 21h o evento reúne artesãs da cidade e municípios do entorno até amanhã. Organizada pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), em parceria com a Associação Fábrica Cultural, a feira conta com o apoio da prefeitura local.

A programação especial do Setembro Amarelo pela prevenção do suicídio começa hoje em Barreiras com evento virtual a partir das 18h, que vai focar na saúde mental das mulheres sob as circunstâncias do abuso sexual, violência doméstica e doenças oncológicas. Participam a psicóloga Natália Albernaz, a professora Tina Laura e Leonidia Aires, uma das idealizadoras do coletivo feminino Gaia. A transmissão é pelo canal do YouTube da professora Ananda Lima, que fará a mediação.


Matéria do site https://atarde.uol.com.br/coluna/tempopresente/2188638-uesc-ganha-posicoes-em-ranking-mundial-premium

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu