ABALA ILHÉUS: PETIÇÃO DE ABERTURA DE CEI DA COVID DEVERÁ SER LIDA EM PLENÁRIO NESTA TERÇA-FEIRA (30)


Na tarde da última quinta-feira (25), um grupo de 4 pessoas sendo elas, Aldircemiro Duarte, Ilka Aparecida, Suely Dantas e Uallesson Nascimento protocolaram voa e-mail oficial da Câmara municipal de Vereadores de Ilhéus um pedido requerendo a abertura de Comissão Especial de Investigação (CEI) afim de apurar a conduta do vereador Jerbson Moraes que fez uma denúncia gravíssima de desvio de dinheiro da COVID, entretanto como um agente. Fiscalizador não denunciou anteriormente, assim como, o produto da denúncia feita, para vir a luz os fatos denunciado.

Na Sessão Ordinária do dia 10/05/2023 o Vereador Jerbson Morais em um pronunciamento firme e seguro do Plenário da Câmara Municipal denunciou que agente político do Executivo ilheense recebera em Salvador parcelas mensais de R$ 100.000,00(cem mil reais) que deveriam ser utilizadas no combate a COVID-19 e confirmou a sua denúncia em entrevistas concedida à imprensa, tornando-as pública e mais, disse-se dispor de provas e que as entregarão as autoridades que dele solicite-as. A denúncia é gravíssima: quem liberava em Salvador parcelas mensais de cem mil reais para um agente político do Executivo Municipal? 

Quem é esse Agente Político? Qual o tipo delitógeno se enquadra a conduta desse Agente Político: peculato, prevaricação, outro? Se o dinheiro era desviado do combate a COVID, qual a sua destinação ilegal, quem dele se beneficiou? Cadê a Câmara Municipal de Ilhéus? Não é sua a incumbência de fiscalizar, apurar, investigar atos do Executivo? Por que ate aqui não se manifestou sobre a denúncia de um Vereador do Plenário dessa Casa de Leis? 

Entende-se ser competência legal da Câmara Municipal adotar providências sobre a denúncia. Portanto, configurara subestimação da capacidade e da Inteligência do ilheense a omissão ou o silêncio sobre o fato, lastreando-se tão somente no argumento do suposto recurso desviado ter origem federal, especificamente destinado ao combate a COVID-19. Não convence. 

Cansados da estratégia do Legislativo Municipal em relação aos desmandos do Executivo Municipal pautada na omissão, no silêncio e na conveniência, a população só tem um caminho pacífico a adotar: realizar sessões ordinárias como vereadores de fato nas comunidades para discutir as suas demandas e as decisões buscar cumprimento junto ao Ministério Público, Defensoria Pública, Judiciário, porque se tornou insuportável o tratamento da Câmara Municipal para com a comunidade: DEIXA ESFRIAR QUE O POVO SE AQUIETA, ESQUECE E DORME, NÃO DÁ MAIS! CHEGA!

Um grupo enviou um pedido de instalação de uma CEI (Comissão Especial de Investigação), para apurar tal denúncia, a protocolo foi via e-mail oficial da Câmara de Vereadores e o físico será protocolado no próximo dia de sessão, pelo fato de que, devido as sessões estarem sendo realizadas na Associação Comercial, então a secretaria da Câmara só funciona nos dias de sessão.

(clique petição requerendo instalação de CEI para apurar denuncia do vereador)

Vídeo das denúncias feitas pelo vereador e que a sociedade quer a sustentação delas:





Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu