Ad Code


 


 

MARÃO DECRETA EMERGÊNCIA PARA FAZER O QUE JA É DE PRÁTICA

 O que o site INFOR ILHÉUS prévia poderá acontecer a qualquer momento em Ilhéus, como de costume, o prefeito Mário Alexandre poderá novamente fazer um CONTRATO EMERGENCIAL com empresa de lixo. O prefeito no dia 10 deste mês havia decretado emergência, assim como fez antes de contratar em 2019 a empresa CTA até 202 em meio há tantas prorrogações.

Como sempre ocorria antes dos contratos emergenciais acontecerem, a cidade de Ilhéus ficava por inteira em lixo, isso por causa do término de um contrato com a empresa prestadora do serviço, isso, justamente para que a prefeitura utilizasse como subterfúgio a necessidade urgente que a contratação de uma nova empresa para prestação de serviço, justificando também a demora que é a finalização de uma licitação.

Ora, tendo em vista a necessidade de uma licitação no município, isso já deve está previsto pela admiração que, se prudente, realizará todos os trâmite antes do término do contrato emergencial, ou a cidade de Ilhéus usará sempre como desculpa a necessidade de contrato emergencial para beneficiar empresa A ou B?

Nas redes sociais, o Assessor do Prefeito, Moisés Bohana fez uma publicação "meia-boca" dizendo ainda que por recomendação do Ministério Público, a prefeitura encerrou o contrato com a empresa CTA e que Marão como SEMPRE, quer fazer um contrato emergencial, "para acabar logo com essa calamidade que a população vive há quase 3 semanas".

O site e a população gostaria de saber o posicionamento do MP quanto às recomendações à prefeitura.






 

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Se um candidato entra em uma prefeitura, e não sabe que recolher lixo não é uma prioridade,ele quer ser prefeito pra que? E a população que deve dizer o que o prefeito tem que dizer?isso é muita burrice .tiau até nunca mais.

    ResponderExcluir
Emoji
(y)
:)
:(
hihi
:-)
:D
=D
:-d
;(
;-(
@-)
:P
:o
:>)
(o)
:p
(p)
:-s
(m)
8-)
:-t
:-b
b-(
:-#
=p~
x-)
(k)

Close Menu