Ad Code


 


 

Maternidade está pronta, mas governo Marão falha e adia entrega da unidade

Governo de Mário falhou em licitar empresa para administrar maternidade, irritando o governador Rui Costa.

O Governo do Estado investiu R$ 20 milhões na reforma e ampliação do Hospital Geral Luiz Viana Filho, no Alto da Conquista, em Ilhéus, para implementação do perfil materno e infantil. A obra foi concluída no prazo estipulado pelo estado (junho de 2021), no entanto, uma falha do governo Mário Alexandre adiou a entrega da nova maternidade.

Conforme o combinado com o estado, a gestão da maternidade ficará sob responsabilidade do município, que de início, na gestão Marão, falhou em não conseguir concluir o processo para licitar a empresa que vai administrar a unidade.

Segundo fontes do BG, o ocorrido “aborreceu” o governador Rui Costa, do Partido dos Trabalhadores. A expectativa era que o próprio Rui entregasse o equipamento à população no aniversário de 487 anos de Ilhéus, na próxima segunda-feira (28).

A nova maternidade vai ofertar atendimento obstétrico para gestantes de alto risco. Com 105 leitos, a unidade contará com UTI neonatal e pediátrica, além de um moderno centro cirúrgico e obstétrico. Pelo menos outros R$ 20 milhões foram investidos em equipamentos, chegando a obra a um total de R$ 40 milhões.

Matéria do site Blog do Gusmão t



Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu