Ad Code


 


 

Ilhéus: Coordenador da Vigilância Epidemiológica, Gleidson Santana, nega e depois confirma resultado positivo para paciente com Coronavírus


Hoje pela manhã, o Coordenador da Vigilância Epidemiológica, Gleidson Santana, por telefone, informou a um paciente, que não quer se identificar, que o mesmo tinha testado positivo para COVID-19 (Coronavírus). Todavia, 30 minutos depois o Sr. Gleidson Santana entrou em contato novamente com o paciente informando que houve um “engano” na sua informação e que o paciente não estava infectado pelo Coronavírus e sim com a gripe H1N1.
A pedido de familiares, mais de 10 profissionais, entre médicos e bioquímicos da cidade de Ilhéus e outras cidades da Bahia, analisaram o exame do paciente postado abaixo e todos os profissionais confirmaram que o paciente testa positivo para COVID-19 (Coronavírus). Logo após esse diagnostico, em contato com o Sr. Gleidson Santana, ele negou mais uma vez que o paciente esteja infectado pelo vírus. Entretanto, cerca de 30 minutos depois, por telefone, o Coordenador confirmou que o paciente estava infectado pelo Coronavírus.

O paciente de 43 anos é morador do bairro Nelson Costa, Técnico de Enfermagem e vacinador da rede municipal de saúde. Há uma semana, ele começou a apresentar sinal fortes de gripe, tosse seca e muita dor de cabeça. 

“É um absurdo omitirem uma informação dessas, estão brincando com a vida das pessoas. Eu e meu filho que moramos com ele solicitamos da Secretaria de Saúde que realizem o teste em nós dois. Quando esse pesadelo passar, iremos tomar nossas providencias contra essa irresponsabilidade”, desabafou a esposa do paciente em estado de choque. 

Após todo esse drama, a família do paciente entrou em contato novamente com o Sr. Gleidson Santana pelo número (73) 98813-6964 e o mesmo não atende mais as ligações e nem responde as mensagens de Whatsapp.   

O fato mostra a tamanha irresponsabilidade e por que não falar o “crime” que um Coordenador da Vigilância Epidemiológica cometeu. Omitir informação a um paciente que está acometido por uma infecção altamente contagiosa e que já matou milhares de pessoas em todo o mundo, colocando em risco sua vida e de seus familiares, sem levar em consideração, que se trata de um profissional da área da saúde da rede municipal e ainda um vacinador (a rede municipal de saúde conta apenas com 21 vacinadores).

Casos como esse não podem se repetir. Cuida de mim Doutor. 


Fonte: https://ilheusinforme.blogspot.com/2020/04/ilheus-coordenador-da-vigilancia.html?m=1

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu