Ad Code


 


 

Advogado Mesaque emite nota de repúdio contra presidente do Sindrod



Nota de Repúdio
Venho a público repudiar a atitude rude, invasiva, antiética e antidemocrática do Sindicato dos Motoristas e Rodoviários de Ilhéus/Bahia – SINDROD, presidido pelo Senhor Gustavo Santana, que na tentativa de me calar, encaminhou um Representante da sua Diretoria em reunião que aconteceu na tarde dessa quarta-feira (26/02/2020), às 14 horas, para tumultuar um atendimento que foi solicitado por algumas pessoas da Categoria dos Rodoviários (cobradores e motoristas) das empresas Via Metro e São Miguel.
O Sr. Robson se autodenominou representante da Diretoria do SINDROD e mantinha contato telefônico a todo instante com o seu Presidente, numa manobra clara de frustar o escrutínio dentro do meu ambiente de trabalho.
Inicialmente considerei a possibilidade do Sr. Robson participar da reunião, no entanto, uma das pessoas integrantes da reunião ameaçou se retirar acaso ele permanecesse no recinto.
A partir de então, convidei educadamente o Sr. Robson a sair do meu escritório, pois o mesmo estava impedindo o regular andamento dos trabalhos bem como o exercício da minha função de advogado, que é essencial à administração da justiça.
Por mais de 40 minutos tentei pacificamente retirá-lo da minha sala no diálogo, no entanto, o mesmo apenas deixou o recinto após a chegada da Polícia Militar da Bahia, que nos prestou auxílio sob ameaça de condução do invasor.
O invasor, mesmo com a presença da PM, não se intimidou, e continuou desferindo ameaças contra mim e o Vereador Makrise, que foi convidado por uma das pessoas presentes na reunião.
Após a chegada da PM, o Sr. Gustavo, vergonhosamente, compareceu à frente do escritório com sua advogada, para dar apoio ao invasor e ficaram de campana aguardando a saída dos rodoviários.
O Vereador Makrise teve de acionar o Chefe da Guarda Municipal da Câmara de Vereadores, o que permitiu a sua saída com segurança do meu escritório.
Ao agir desse modo, o Sr. Gustavo Santana demonstra total despreparo para lidar com o ambiente democrático, pois ao invés de colocar em pauta e fazer valer as demandas da sua categoria prefere atacar um advogado no exercício da sua função social.
Informo que acionarei a OAB Subseção de Ilhéus e OAB Bahia para adoção das medidas legais pertinentes, pois a atitude dos denunciados configura um atentado ao livre exercício da advocacia e merece reprimenda à altura por parte da nossa Classe.
Por fim, digo a todos que essas atitudes antidemocráticas apenas me diz que estou no caminho certo e apenas servirão para continuar em frente de cabeça erguida.
Participou também da reunião a liderança comunitária João França, que recepcionou a Polícia Militar até a chegada a minha sala.
Tenho um vídeo de 15 minutos que comprovam todas as minhas alegações, mas deixarei de publicar para preservar os rodoviários presentes na reunião.
Gostaria de pedir aos meus amigos, principalmente da imprensa, que compartilhe essa nota. Situações como essas não podem existir no ambiente democrático.
Atenciosamente,
Mesaque Barboza Soares
Advogado

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu